Cantinho Noivas e Debutantes

Como escolher as músicas da cerimônia de casamento

Quais são as músicas da cerimônia mais pedidas?

Algumas músicas são bem tradicionais em cerimônias, como por exemplo a Marcha Nupcial de Mendelssohn, a Ave Maria de Gounod em casamentos católicos, as clássicas Nona Sinfonia de Beethoven, Horn Pipe de Haendel, e as  tradicionais que já fazem parte dos casamentos como  She,  All You Need Is Love, Temas da Disney para entradas das damas e pajens como A Bela e a Fera, Rei Leão, e músicas de bandas atuais com arranjos orquestrais como Sunday Morning de Maroon 5.

Como escolher a música para cada momento da cerimônia?

O primeiro passo é enumerar os momentos da cerimônia que serão necessárias as músicas. Alguns momentos por si só já sugerem a música, como por exemplo, a Benção: usa-se geralmente uma música religiosa para esse momento e de acordo com a religião do casal.

Se seu casamento é na igreja, verifique as normas da mesma e a quantidade de entradas e músicas permitidas para a cerimônia; Se seu casamento é na fazenda, praia ou espaço, você tem mais liberdade para escolher as músicas e fazer as entradas.

Apenas lembre que quanto mais entradas você colocar, mais tempo vai durar a cerimônia: um casamento com 8 músicas dura em média 1 hora, um casamento com 12 músicas vai durar cerca de 1 hora e meia, tempo muito longo para convidados e, principalmente, para as crianças. Use o bom senso. Caso não consiga usar todas as músicas que gostaria na cerimônia, peça ao coral que toque algumas na sala de espera ou que o DJ ou banda toque na festa.

Algumas sugestões:

– Para a entrada dos padrinhos ou noivo:

Você pode optar por uma música instrumental, um tema de filme cantado, sempre levando em consideração que essa é a primeira música do casamento e que de modo algum deve sobressair a entrada seguinte – a da noiva.

– Entrada da noiva:

Pede uma música mais forte, mais marcante. Geralmente usa-se a Marcha Nupcial antecedida de Clarinada ou Campanas. Caso a noiva queira uma música suave, deverá encontrar um equilíbrio com a música anterior.

– Entrada de pajens, daminhas e Floristas:

Temas clássicos suaves e temas de filmes infantis, com solos de instrumentos como violino ou flauta.

– Benção:

uma música sacra, que faça parte do contexto desse momento. Em casamentos católicos a Ave Maria é obrigatória, em casamentos evangélicos, sugiro o Pai Nosso.

– Cumprimentos:

Esse é um momento mais livre, onde aquela música romântica que fez parte do namoro pode entrar. Há temas tradicionais que hoje já fazem parte dos casamentos e que são muito elegantes. Atenção para a letra das músicas, muitas vezes a melodia é muito bonita mas o texto fala de sofrimento, separação etc.

– Saída:

Momento onde uma música mais animada pode ser usada na cerimônia de seu casamento.

Fonte: https://www.constancezahn.com/como-escolher-as-musicas-da-cerimonia-de-casamento/

Deixe um comentário

Open chat